Blog especializado em notícias policiais em Piracicaba e região

Jogador de futebol de Piracicaba é preso por embriaguez ao volante; ao fugir das viaturas ele bateu com o carro em uma casa

Mais uma fuga cinematográfica, após  tentativa de abordagem policial, foi registrada pela PM de Piracicaba. Porém, mais uma vez, o autor acabou não concluindo sua empreitada.

Desta vez, de acordo com militares da 4a Cia, o “protagonista” é  um jogador do XV de Piracicaba que, após fugir por ruas e avenidas na contramão, acabou batendo no portão de uma casa do Bairro Alto e atingindo um veículo que estava na garagem.

Com o impacto, o carro quebrou a porta da sala. O tenente Jesus,  que estava no Comando de Força Patrulha,  disse que em patrulhamento preventivo na região central, dois militares viram um veículo importado com a porta aberta e uma pessoa com metade do corpo para fora.

“Suspeitando que fosse alguém passando mal, os PMs se aproximaram para verificar. Quando ele viu a viatura perto, entrou no carro e saiu em alta velocidade”, declarou.

Foi então que os PMs pensaram ser produto de furto ou roubo. “O cara foi acompanhado por outras viaturas, por ruas e avenidas na contramão, e chegou a ser perdido de vista”, conta o oficial.

Para se ter ideia do quanto ele correu, uma viatura, segundo apurou equipe do DEU B.O. chegou a alcançar 160 km/h correndo atrás dele.

Voltando para a área central, outra viatura cruzou com o carro dele. Continuando a fuga, chegando na Silva Jardim,  ele perdeu o controle batendo no portão da residência.

Na confusão, um policial sofreu fraturas em dois ossos da mão e vai ser operado. O carro que estava com o jogador foi apreendido.

Ele foi levado primeiro para um pronto socorro, por ter batido a cabeça, e depois para o Plantão Policial. Passou a noite numa cela, segundo a polícia, e nesta manhã foi levado para audiência de custódia.

A informação é que iria pagar fiança para responder em liberdade. Na prisão dele atuaram os PMs Carneiro, Mateus, Duarte, sargento Casemiro, entre outros.

Foto: Polícia Militar/ Divulgação.

redação

1 Comentário

  • Agora o maldito paga fiança, responde em liberdade, o dono da residencia precisa correr atrás do prejuízo que levou e todos são felizes para sempre. afff.

Publicidade




Online

contador de visitantes

Hospedado por ServerPro