Blog especializado em notícias policiais em Piracicaba e região

Dise e DIG de Piracicaba atuam na prisão de estelionatários que davam golpes com vendas de veículos; 4° DP de Garulhos fez parte da operação

Policiais civis da Dise e DIG de Piracicaba participaram nesta sexta-feira (9), em conjunto com policiais do 4° Distrito Policial de Guarulhos, da prisão de dois membros de uma quadrilha de estelionatários do ramo de venda de veículos.

A captura dos dois – com 61 e 40 anos – ocorreu em Sorocaba, sendo as diligências solicitadas pelo Ministério Público.

Ao serem informados sobre diversos casos de estelionato praticados em Piracicaba, os investigadores passaram a realizar pesquisas, diligências e levantamentos acerca dos fatos.

Foi constatado que os envolvidos utilizavam de uma loja de veículo, na época localizada em Piracicaba – a “Hi Imports” -, para captar pessoas que anunciavam seus veículos para venda (diretamente com o proprietário).

Os criminosos entravam em contato com essas pessoas alegando terem compradores para seus veículos e solicitavam que estas deixassem o veículo em consignação na referida loja.

Os indivíduos então colocavam o veículo à venda, com valor abaixo do mercado, para que este fosse rapidamente comprado.

Efetuada a venda, não contavam ao dono do carro e ao receberem o dinheiro do comprador (terceiro de boa fé), não repassavam ao dono do veículo – este por sua vez, sem saber que seu veículo foi vendido ou sem receber o valor acordado pela venda, não entregava o recibo de compra e venda preenchido.

Dessa forma, os golpistas faziam duas vítimas: aquele que anunciou o veículo e não recebia o valor correspondente, bem como aquele que adquiria o carro na loja, porém não conseguia transferir o veículo em seu nome, já que nunca era lhe entregue o recibo de compra e venda pelo “antigo” proprietário.

As investigações vinham sendo realizadas também pelo 4° Distrito Policial de Guarulhos, já que após aplicarem inúmeros golpes em Piracicaba fecharam repentinamente a empresa e parte da quadrilha abriu outra na cidade do Guarujá/SP, denominada “Boutique Class”, onde passaram novamente a realizar muitos golpes – todos da mesma forma.

Ao tomarem ciência de que os policiais civis de Guarulhos/SP realizavam as investigações, novamente fecharam a loja, onde alguns deles abriram nova loja, na cidade de Jaguariúna/SP – esta última recentemente fechada por policiais civis daquela cidade.

Após esta equipe realizar todo levantamento solicitado pelo MP, ficou comprovado que tais indivíduos eram na realidade uma organização criminosa especializada, que vinham aplicando diversos golpes da mesma maneira, tendo feito mais de 50 vítimas em diversas cidades do interior, litoral, capital e inclusive de estados vizinhos, sendo então decretada a prisão preventiva de seis membros da referida quadrilha pelos crimes de Estelionato e Organização Criminosa.

Os dois possuem vastos registros policiais pela prática de estelionato e apropriação indébita. Um quarto membro da quadrilha encontra-se preso, pelo crime de tráfico de entorpecentes, sendo então dado cumprimento ao mandado de prisão preventiva em desfavor deste, na própria unidade prisional em que se encontra. Outros dois indivíduos seguem foragidos.

Foto: Polícia Civil/Divulgação.

redação

Deixe seu Comentário

Publicidade




Online

contador de visitantes
https://api.whatsapp.com/send?1=pt_BR&phone=551999891626

Hospedado por ServerPro